23 fev 2013
 Por 
Blog do Seridó
 às 
06:49min. 
 em 
Torcedores corintianos detidos devem ser transferidos para um presídio boliviano

A Justiça da Bolívia decretou nesta sexta-feira a prisão preventiva dos 12 torcedores corintianos, que estão detidos em Oruro, na Bolívia, desde a morte do jovem boliviano Kevin Douglas Beltran Espada, de 14 anos, após empate do San José diante do Corinthians por 1 a 1, na última quarta-feira.

Os torcedores detidos devem ser agora transferidos para um presídio boliviano, onde ocuparão celas comuns. A decisão da Justiça foi confirmada por Eduardo Saboia, ministro conselheiro da embaixada do Brasil na Bolívia. Saboia, inclusive, viajou hoje à cidade boliviana para acompanhar os desdobramentos.

O jovem de 14 anos morreu após ser atingido no olho por um sinalizador enquanto assistia ao jogo da estreia de Corinthians e entre San José, pela Libertadores.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!