16 abr 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
21:47min. 
 em 
Salário mínimo passará por reajuste de 7,3% em 2013

O governo prevê um crescimento da economia de 5,5% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2013 e um salário mínimo de R$ 667,75 no ano que vem, o que significa um reajuste de 7,36% em relação ao benefício atual, de R$ 622. As informações fazem parte do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Ao anunciar o salário mínimo para 2013, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, reiterou que o valor inclui um reajuste real (acima da inflação) de 2,7% e que os aposentados que ganham mais de um mínimo continuarão sem aumento real. A regra para quem ganha mais de um salário mínimo prevê a reposição apenas da inflação do período.

O governo faz uma projeção de uma pequena queda na inflação no ano que vem, fixando o IPCA em 4,5% contra os 4,7% estabelecidos para 2012.

Para 2012, o crescimento continua em 4,5% do PIB. O governo espera um crescimento da atividade econômica ainda maior em 2014, em 6% do PIB. Em 2015, o crescimento cai a 5,5% do PIB. A área econômica ainda fixa para mínimo de R$ 729,20 em 2014 e de R$ 803,93 em 2015.

No caso dos juros, o governo prevê uma queda da taxa, dos atuais 9,75% para 9% em 2013, 8,5% em 2014 e apenas 8% em 2015.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!