09 jun 2021
 Por 
Blog do Seridó
 às 
15:09min. 
 em 
Incerteza para a 2ª dose fez seleção brasileira desistir da Vacina Comembol

A seleção brasileira voltou do Paraguai com mais três pontos nas Eliminatórias da Copa do Mundo, mas sem a primeira dose da vacina contra Covid-19, como era previsto. A imunização não é obrigatória para a participação das seleções na Copa América, mas a CBF planejava vacinar os jogadores e funcionários que desejassem com os imunizantes oferecidos pela Conmebol.

Isso aconteceria na sede da entidade sul-americana. Porém, a incerteza sobre a recepção da segunda dose no Brasil fez com que a entidade desistisse. No domingo, após uma reunião com membros do Ministério da Saúde, a CBF tinha a expectativa de receber autorização oficial para importar as doses da Sinovac disponibilizadas pela Conmebol.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!