06 out 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
05:07min. 
 em 
Governo do Rio Grande do Norte enfrenta problemas financeiros

O secretário de Planejamento e das Finanças do Governo do Estado, Nelson Tavares, disse ontem que o Executivo atravessa problemas de ordem financeira.

Ele alegou que a instabilidade advém, entre outras coisas, da insuficiente margem de recursos oriundos do Fundo de Participação dos Estados (FPE), o qual segundo Nelson, permanece sem alteração substancial desde 2008.

De fato, o FPE recebido pelo governo do Rio Grande do Norte teve um decréscimo de R$ 89,5 milhões entre os anos de 2008 e 2009 e que, em 2010, constatou-se uma pequena elevação (comparativo entre os oito primeiros oito meses de 2009 e 2010) inferior a 6%.

De janeiro a agosto deste ano o governo estadual recebeu R$ 1,05 bilhão de repasses do FPE; ano passado a soma percebida no mesmo período foi de R$ 991 milhões.

“Nós estamos recebendo de FPE a mesma coisa que recebíamos em 2008 e as despesas cresceram muito. Mas estamos nos esforçando para manter as contas em dia. Pode ser que tenha uma coisa ou outra atrasada, mas nada que comprometa a estabilidade geral do governo”, assegurou.

Nelson Tavares admitiu ainda que o  Programa do Leite está com o pagamento atrasado há cerca de três meses porque o governo necessita remanejar recursos dentro do Orçamento Geral do Estado (OGE) para pagamento das despesas e até agora não obteve autorização da Assembleia Legislativa.

Com informações do jornal Tribuna do Norte
Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!