27 mar 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
19:27min. 
 em 
Empresários caicoenses acusados de aplicar golpes no mercado de turismo serão ouvidos amanhã

O juiz da 8ª Vara Criminal de Natal, Ivanaldo Bezerra Ferreira dos Santos, dará continuidade, nesta quarta-feira (23), às 15 horas, a oitiva de testemunhas, bem como interrogatório de Maria Noélia Araújo Pereira da Silva e Walter Pereira da Silva – acusados de praticarem um golpe que consistia na venda de pacotes turísticos falsos a diversas pessoas da sociedade natalense em 2007.

De acordo com o juiz, os depoimentos tiveram início na tarde de ontem (21), quando foram ouvidas três vítimas e algumas testemunhas. Amanhã, serão ouvidas mais uma vítima e outras testemunhas do caso.

Segundo a denúncia do Ministério Público, 65 pessoas foram lesadas pelo golpe tipificado no art. 171, c/c art. 71, ambos do Código Penal Brasileiro, ou seja, crime de estelionato em continuidade delitiva.

Nesse momento processual, os réus encontram-se presos em Natal. Após ouvir todos os envolvidos no caso, o juiz vai abrir prazo para que o Ministério Público peça as diligências que julgar necessárias. Em seguida, abre-se prazo para alegações finais e por fim o magistrado vai julgar o processo e proferir a sentença final.

Memória

Noélia Araújo era proprietária de uma agência de viagens (Atlantur), e nos anos de 2006 e 2007 foi responsável por um golpe superior a R$ 2 milhões com a venda de pacotes turísticos falsos. O processo de acusação foi distribuído em abril do mesmo ano para a 7ª Vara Criminal de Natal. Em fevereiro de 2010 foi recebida a denúncia dos acusados.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!