31 maio 2015
 Por 
Blog do Seridó
 às 
16:31min. 
 em 
Empresa de Marin teve o valor triplicado durante seu mandato

marin

Durante o período em que José Maria Marin foi presidente da CBF, de 2012 a 2015, o capital da sua empresa, a Rede Associada de Difusão, quase triplicou, passando de R$ 352 mil para R$ 1 milhão.

O salto no valor da empresa ocorreu no dia 16 de abril de 2014, coincidentemente mesma data em que Marco Polo Del Nero foi eleito para suceder Marin na presidência da CBF – a posse, no entanto, só ocorreu um ano depois. Além de Marin, o outro dono da empresa é o seu filho, Marcus Vinícius, ex-diretor do Departamento de Futebol Amador da Federação Paulista durante o período em que Del Nero foi presidente da entidade estadual.

Vice-presidente da CBF, Marin está preso na Suíça, envolvido em um esquema de corrupção na Fifa. O dirigente é acusado de ter cometido vários crimes, entre eles o de receber propinas nas negociações da Copa América e suborno em contratos da Copa do Brasil, torneio organizado pela CBF.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!