19 out 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
21:01min. 
 em 
Polícia apresenta autor da morte de radialista F. Gomes

As polícias Civil e Militar apresentaram na noite desta terça-feira, 19 de outubro, João Francisco do Santos, 24 anos, popularmente conhecido por “Dão”.

Segundo o delegado Ronaldo Gomes, que presidirá o inquérito, o trabalho da PM foi fundamental no sentido de localizar o “Dão”, tendo em vista os objetos abandonados por ele, como o capacete, um casaco e uma calça.

“Conseguimos a decretação da prisão temporária e, ao longo do dia, o João resolveu confessar a autoria do crime”, disse o delegado.

A suposta motivação apontada por “Dão” é que, em 2007, ele foi preso por roubo qualificado e, após isso, o radialista divulgou diversas notas e, por conta disso, ele foi recolhido para o regime fechado, pagando um ano e noves meses de cadeia.

Recentemente, segundo o acusado, F. Gomes teria comentado que ele era envolvido como tráfico de drogas. “A Polícia trabalha com outras hipóteses, para se apontar o mandante do crime, Trabalhamos com a hipótese de uma promessa (pagamento)”, disse Ronaldo Gomes, mesmo depois de Dão afirmar que agiu sozinho.

Dão vinha premeditando o crime há um mês, mas não fez campana. Já chegou atirando contra o radialista, que se encontrava sentado na calçada de sua residência, no bairro Paraíba.

Confira as imagens das principais homenagens ao radialista F. Gomes:

 

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!