02 dez 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
16:28min. 
 em 
Justiça determina soltura de seis investigados na operação Via Ápia

O engenheiro Gledson Maia, o ex-superintendente do DNIT no Rio Grande do Norte, Fernando Rocha, e mais quatro pessoas investigadas na operação Via Ápia conseguiram um habeas corpus para deixaram a prisão. Nesta quinta-feira (2), o Tribunal Regional Federal da 5ª Região, através do desembargador Rogério Fialho, acatou o pedido liminar formulados pelos advogados de defesa dos investigados entendendo que não havia motivos para que se mantivesse a prisão preventiva dos suspeitos de envolvimento em um suposto esquema de corrupção em obras do DNIT. O procurador da República Rogério Tadeu também opinou pela concessão do habeas corpus.

Presos desde o dia 4 de novembro, quando a Polícia Federal também cumpriu mandados de busca e apreensão, Gledson Maia, Fernando Rocha, Luiz Henrique Maiolino de Mendonça, Frederico Eigenheer Neto, Andrev Yuri Barboza Fornaziere e Gilberto Ruggiero estavam buscando na Justiça a liberação. Os pedidos para o habeas corpus foram analisados juntos.  No entanto, somente após recurso o habeas corpus foi concedido.

Da Tribuna do Norte


Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com