11 abr 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
05:14min. 
 em 
Senador lamenta efeitos da seca no Rio Grande do Norte

Em pronunciamento nesta terça-feira (10), o senador Paulo Davim (PV-RN) lamentou a seca que seu estado, o Rio Grande do Norte, vem enfrentando. Segundo o senador, a falta de chuva tem deixado pequenos agricultores e pecuaristas em estado de alerta.

Davim informou que o governo estadual recebeu, na última semana, relatórios de diversos órgãos com dados que recomendam a decretação de estado de emergência em vários municípios, por conta da gravidade da situação.

– O governo está decretando estado de emergência em 139 municípios e deve abrir frentes de trabalho para aliviar a situação – informou o senador.

Davim disse que dados da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Empavrn) mostram que 143 dos 167 municípios do estado estão com chuvas bem abaixo do normal. De acordo com o senador, o município de Mossoró, maior cidade do interior, registrou 83% menos chuva em relação ao ano passado, o que comprometeria diretamente a cultura do milho.

O senador também informou que a estiagem de 2012 já levou à perda de toda a agricultura de sequeiro e mais de 70 municípios estão precisando de carros-pipa para abastecimento de água. Davim pediu atenção do governo federal à situação dos estados que enfrentam a seca. Ele sugeriu a abertura de linhas de crédito especiais para os agricultores em situação de dificuldade de produção.

– A seca tem tirado o sono e o brilho do olhar do homem do campo – lamentou o senador.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!