09 maio 2024
 Por 
Blog do Seridó
 às 
09:34min. 
 em 
Projeto de Adjuto reconhece como Patrimônio Cultural Imaterial do RN a centenária Banda de Música Recreio Caicoense

Preocupado em fortalecer a cultura do Estado, principalmente a da região Seridó, o deputado Adjuto Dias (MDB) entregou à Mesa Diretora da Assembleia no dia 6 último e foi publicado no Diário Oficial Eletrônico desta quarta-feira (8) o Projeto de Lei 192/2024 que reconhece como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado do Rio Grande do Norte, a centenária Banda de Música Municipal Recreio Caicoense.

“A Banda de Música Recreio Caicoense, iniciou suas atividades em 17 de novembro de 1907, por iniciativa do Dr. Augusto Carlos de Vasconcelos Monteiro. Na época com 17 componentes, sob orientação do Maestro regente Professor Manoel Fernandes de Araújo Nóbrega que recrutava, para compor o quadro da referida Banda, homens interessados em aprender o ofício da música com o compromisso de passá-lo adiante e manter a sua estrutura”, justifica o deputado seridoense.

O parlamentar lembrou ainda em seu encaminhamento do Projeto, que a Banda Teve como maestros Manoel Paulo da Cunha, Manoel Vitoriano (Bedé), Tertuliano e Professor Manoel Fernandes, rapidamente se estabelecendo como uma das mais importantes instituições culturais da região e tem sido um farol da cultura e da música, levando entretenimento e inspiração para as comunidades locais e além. Ao longo dos seus 117 anos de existência, a Banda de Música Recreio Caicoense abrilhantou inúmeros eventos, festivais e celebrações, encantando plateias com seu repertório diversificado e talento excepcional.

“Sua contribuição para a cultura do Rio Grande do Norte é inestimável, tendo se tornado uma parte integral da identidade musical do Estado. Além de tudo já exposto, a Banda de Música Recreio Caicoense também desempenha um papel importante na formação de músicos locais, oferecendo oportunidades de aprendizado e desenvolvimento para gerações de talentos. Muitos músicos profissionais começaram suas carreiras na banda, levando consigo o legado e a tradição da música caicoense para o Brasil e o mundo”, registra o deputado Adjuto.

Atualmente, a Banda é regida pelo Maestro Antônio de Medeiros (Totó) e por Nomilson Pereira, Maestro Regente Substituto e conta com 41 integrantes.

“Reconhecer a Banda de Música Recreio Caicoense como Patrimônio Histórico e Cultural do Rio Grande do Norte é um passo crucial para preservar sua memória e garantir sua continuidade para as futuras gerações. Tal medida proporcionará o devido reconhecimento à importância cultural e histórica da Recreio Caicoense, além de fortalecer seu papel na promoção da identidade cultural do Estado” afirma Adjuto Dias.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com