14 fev 2015
 Por 
Blog do Seridó
 às 
08:14min. 
 em 
Polícia Federal vai investigar causas do acidente em navio-plataforma

A Polícia Federal (PF) informou hoje (13) que abriu inquérito para apurar as causas do acidente no navio-plataforma Cidade São Mateus, que causou a morte de cinco pessoas no litoral do Espírito Santo na quarta-feira passada (11). A polícia pediu nome e qualificação dos 74 tripulantes da embarcação à Petrobras, com a indicação das vítimas. O inquérito deve ser concluído em 30 dias.

Quatro pessoas continuam desaparecidas. Mais de 20 pessoas ficaram feridas e duas estão internadas em estado grave.  Uma equipe da PF fará uma inspeção no local quando a embarcação for liberada ao fim das buscas pelos desaparecidos.

A plataforma é operada pela BW Offshore, afretada pela Petrobras. A FPSO recebeu declaração de conformidade da Marinha em 2015 e a ANP fez uma atualização de documentação marítima em setembro de 2014. Entretanto, de acordo com o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura do Espírito Santo (Crea-ES) a empresa BW Offshore não tinha registro no órgão e, portanto, estava atuando irregularmente.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!