18 out 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
12:20min. 
 em 
Julgamento do agravo contra Carlos Eduardo foi adiado para 3 dia antes da eleição

O desembargador Expedito Ferreira se disse impossibilitado de comparecer à reunião da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), onde seria apreciado o agravo contra a suspensão dos efeitos da decisão da Câmara Municipal de Natal (CMN), que rejeitou as contas do ex-prefeito e candidato do PDT à Prefeitura do Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Com isso, o julgamento, que seria na manhã desta quinta (18), ficou adiado para o próximo dia 25, três dias antes das eleições do Segundo Turno na capital do estado.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!