08 set 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
11:16min. 
 em 
Dieese apura redução no custo da cesta básica em 16 capitais

Natal teve a maior queda de preço: -6,4%

O custo da cesta básica ficou menor em 16 das 17 capitais pesquisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) em agosto.

Somente em Porto Alegre foi registrado aumento dos preços (1,36%).

As maiores quedas foram verificadas em Natal (-6,4%), Recife (-6,3%), Salvador (-5%) e João Pessoa (-4,1%).

Considerando o período de oito meses, a cesta básica ficou mais barata em quatro capitais: Rio, Belo Horizonte, Vitória e Brasília.

E somente em cinco o ajuste ficou maior que 5%: João Pessoa, Salvador, Recife, Natal e Goiânia.

A capital gaúcha detém a cesta mais cara do país (R$ 240,91), enquanto Aracaju, a mais barata (R$ 174,96).

O Dieese também atualizou o seu cálculo sobre qual o salário-mínimo ideal, levando em conta o custo da cesta e das necessidades básicas de higiene e moradia para uma família.

Segundo a instituição, o valor deveria ser de R$ 2.023,89, ou quase quatro vezes o salário mínimo atual.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!