06 mar 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
14:08min. 
 em 
Agravam-se divergências entre PMDB e PT

As divergências entre PMDB e PT, agravam-se cada vez mais. Hoje, o presidente do PMDB e vice presidente da República Michel Temer, receberá às 17 horas em seu gabinete, uma comitiva de deputados. Eles vão  lhe entregar um manifesto reclamando do governo e do PT.

O vice presidente, declarou ao jornal “O Estado de São Paulo”, que como membro do governo fará o possível para ajudar a contornar. “Mas o cenário não é bom” – disse Temer, que revelou ainda ter ouvido as mais variadas queixas de deputados da base do governo.

O vice, tem trocado telefonemas com outros membros do PMDB como Sarney, Renan Calheiros e o líder na Câmara, Henrique Alves. A maior queixa do PMDB é com relação as disputas municipais, pois o que está atemorizando os peemedebistas é que a estrutura governamental, voltando-se para essas eleições, o PMDB possa perder a liderança municipalista.

O partido que hoje conta com 1177 prefeitos, poderia passar a não contar sequer com a metade disso, com o PT assumindo a liderança. Pelo andar da carruagem, essa crise ainda vai render muito, refletindo diretamente no relacionamento do governo com o Congresso.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!