21 nov 2017
 Por 
Blog do Seridó
 às 
08:00min. 
 em 
Procon Natal orienta sobre compras no Black Friday

Com a proximidade do Black Friday, campanha de comércio americano que se popularizou no Brasil e promete ofertas “imperdíveis”. Desde 2011, a sexta-feira especial caiu no gosto do brasileiro. O evento começou na internet, e posteriormente, expandiu para as lojas físicas. Mas, será que os produtos ofertados nesse dia estão mesmo com preços menores do que os praticados no decorrer do ano? O Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Natal), orienta os consumidores sobre que observar antes de comprar no Black Friday, que este ano será realizado na próxima sexta-feira (24).

Segundo a diretora Geral do Procon Natal, para evitar problemas e arrependimentos, o consumidor deve, dias antes da “Black Friday”, verificar o preço do produto desejado para poder comprovar se ele realmente estará em oferta no dia da promoção. Uma dica é guardar as propagandas veiculadas na internet, fazendo a captura da tela.

Em 2016, muitas pessoas notaram que algumas lojas subiam os valores de seus produtos e na semana de liquidação realizavam grandes descontos, prática que na verdade deixava o produto apenas alinhado com seu valor original.

Com o intuito de orientar os consumidores e prevenir golpes, O Procon Natal dá algumas dicas para comprar no “Black Friday”, dia de descontos no comércio, que neste ano ocorrerá na sexta-feira, dia 24 de novembro.

1) O consumidor deve ficar atento às ofertas, às condições de pagamento e ao prazo de entrega dos produtos que pretende adquirir na Black Friday;

2) Para compras online, verifique se o site da loja é confiável, pesquisando outras referências e opiniões. Caso a loja não seja muito conhecida, prefira efetuar o pagamento por meio de cartão de crédito;

3) Salve os e-mails trocados com o fornecedor, pois eles servem de comprovantes, no caso de trocas ou não recebimento do produto;

4) Se o pagamento for feito por meio de boleto bancário, ele deve ser efetuado com cuidado, pois esta é uma forma de pagamento mais utilizada para a realização de fraudes, com a possibilidade de alteração dos dados. Optando por este meio de pagamento, preferencialmente, o boleto deve estar em formato PDF, que é bem mais seguro do que o impresso direto na página;

5) No caso de produtos importados adquiridos no Brasil, estes seguem as mesmas regras dos produtos nacionais desde que sejam de estabelecimentos legalizados, verificar a informação quanto ao importador;

6) Fique atento aos preços apresentados antes da Black Friday, para constatar se realmente foi concedido o desconto prometido. Pesquise e compare os preços antes da campanha;

7) Observe o prazo de entrega da mercadoria, que deve estar registrado na nota fiscal ou no recibo;

8) Leia as políticas de troca e devolução do estabelecimento e as letras de rodapé, para ter ciência no caso de eventuais condições diferenciadas aplicadas pela loja e evitar surpresas desagradáveis;

9) Examine a mercadoria e assine o documento de comprovação de recebimento somente após a confirmação do estado do produto. Qualquer irregularidade deve ser justificada e a empresa responsável deve resolver o problema.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!