06 nov 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
14:18min. 
 em 
Justiça decreta prisão preventiva do sobrinho de João Maia

A Justiça Federal decretou neste sábado (6) a prisão preventiva de Gleidson Maia, superintendente substituto do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). A Prisão foi decretada pelo juiz Mário Jambo, da 2ª Vara Federal.

Gleidson foi preso temporariamente na última quinta-feira (4), após depoimento prestado na Polícia Federal (PF). De acordo com a PF, ele era apontado como um dos envolvidos no esquema de desvio de verba referente ao lote II da duplicação da BR 101, que compreende 60 km da obra.

Durante uma coletiva realizada na manhã dessa sexta, o superintendente da Polícia Federal, Marcelo Mosele, o representante do Ministério Público Federal, Ronaldo Pinheiro, e o chefe da Controladoria-Regional da União, Moacir de Oliveira, informara, que entre os presos estão Gledson Maia, o superintendente e um agente de fiscalização do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), além de três empresários da área de construção civil.

Segundo a PF,  até o momento foi contabilizado o prejuízo de R$ 2 milhões, mas esse valor pode chegar a R$ 6 milhões. Os representantes dos órgãos destacaram que os 60 km de obra na BR-101, corresponde a 30 km de ida e 30 km de volta. O orçamento inicial girava em torno de R$ 172 milhões, mas foi alterado seis vezes, chegando a R$ 212 milhões.

Do DN Online

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!