17 jul 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
10:11min. 
 em 
Goleiro Bruno será punido e ficará 20 dias sem sair da cela

A Comissão Disciplinar do presídio Nelson Hungria decidiu nesta segunda-feira (16) que o goleiro Bruno Fernandes deve ficar 20 dias sem sair da cela por ter infringido as regras de segurança do complexo penitenciário. Bruno enviou uma carta à imprensa na última quinta-feira (12) por meio de seu advogado, sem passar pelo departamento da unidade que confere as correspondências.

O goleiro, que já sofria restrições desde a semana passada, foi ouvido nesta segunda-feira na comissão para apurar a questão e definir a punição.

Na sexta-feira (13), a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), de Minas Gerais, informou que o detento já não participaria do trabalho de faxina na unidade e ficaria recolhido na cela. O goleiro, que ocupa uma cela individual no complexo, também perderá, pelo período da punição, as duas horas de banho se sol diário a que tem direito.

A direção da prisão afirmou em nota que irá notificar a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) sobre a postura do advogado Rui Pimenta, que defende o goleiro e entregou a carta ao apresentador de um programa da TV Alterosa.

Na carta, o jogador declarou que é inocente e que seu “erro foi ter confiado em algumas pessoas”. O goleiro afirma que pretende cuidar do filho que teve com a modelo. “Bruninho tem sim um pai, sempre teve, e vou honrar esse compromisso perante a sociedade”, escreveu. Bruno reafirma que não tem nenhuma relação com o desaparecimento da modelo. “Nunca desejei, ordenei ou determinei, a quem quer que seja, o desaparecimento de Eliza Samudio”.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!