11 out 2021
 Por 
Blog do Seridó
 às 
21:06min. 
 em 
Estudo francês confirma que vacinas anticovid reduzem em 90% risco de hospitalização e morte

O estudo francês é o maior em termos de população realizado até agora no mundo. Os autores analisaram os dados de 22 milhões de pessoas de mais de 50 anos e concluíram que os vacinados contra a Covid-19 têm nove vezes menos riscos de serem hospitalizados ou de morrer do SARS-CoV-2 que os não vacinados. A eficácia, que parece valer também para a variante Delta, foi comprovada até cinco meses após a segunda dose da vacina.

O resultado foi publicado nesta segunda-feira (11) em dois relatórios da Epi-Phare, um grupo científico que associa a Agência Francesa do Medicamento (ANSM) e o Seguro Saúde Nacional francês (Cnam). Os pesquisadores do Epi-Phare compararam os dados de 11 milhões de pessoas vacinadas de mais de 50 anos, com os dados de 11 milhões de não vacinados, da mesma faixa etária. A comparação foi feita entre 27 de dezembro de 2020, quando começou a campanha de vacinação na França, e 20 de julho passado.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!