12 nov 2012
 Por 
Blog do Seridó
 às 
11:48min. 
 em 
Pneumonia é a doença que mais mata crianças menores de 5 anos no Brasil

A pneumonia é a doença que mais mata crianças menores de 5 anos e chega a ser responsável por 18% do total de mortes nessa faixa etária. De acordo com a Organização Mundial da Sáude (OMS), mais de 99% dos óbitos provocados pela pneumonia são registrados em países em desenvolvimento, onde a maioria das crianças não tem acesso ao sistema de saúde.
No Dia Mundial contra a Pneumonia, lembrado nesta segunda-feira (12), a OMS pediu que os governos deem prioridade a esforços para reduzir as mortes provocadas pela doença, consideradas preveníveis. De acordo com a organização, a pneumonia é um dos problemas mais passíveis de solução no cenário da saúde global. Ainda assim, uma criança morre pela infecção a cada 20 segundos.
A pneumonia é uma forma aguda de infecção respiratória que afeta os pulmões e pode ser tratada por meio de antibióticos, mas apenas 30% das crianças infectadas recebem o tratamento adequado. A estimativa é que a doença mate 1,2 milhão de crianças menores de 5 anos todos os anos no mundo, mais que os óbitos provocados pela aids, pela malária e pela tuberculose juntas.
Como diagnosticar a doença em crianças?

Seu filho reclama de dor ao respirar (a descreve como se fosse uma pontada),tem dificuldade em inspirar, apresenta febre alta (acima de 38 graus) por mais de três dias, tem a feição abatida mesmo fora dos picos da febre e tosse persistente? Estes podem ser alertas da pneumonia – a infecção respiratória que atinge o pulmão.

A doença provoca mais mortes em crianças do que qualquer outra, mais até do que a AIDS, a Malária e o Sarampo juntos, de acordo com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef).

“A pneumonia pode ser grave, mas é uma patologia facilmente identificada pelos médicos.

A especialista alerta ainda que algumas vezes as crianças podem não apresentar os sintomas clássicos da doença e ainda assim estarem acometidos por ela. “Algum sinal a criança vai emitir, mas a disposição delas é tanta que dificilmente os pais desconfiarão do que realmente está por traz dos sintomas. Por isso, é fundamental ter a avaliação do pediatra”, conclui.

Dicas simples para se prevenir a Pneumonia

– Evitar a permanência em lugares aglomerados, fechados e abafados, especialmente no inverno
– Lavar as mãos com água e sabão frequentemente
– Manter uma alimentação equilibrada, rica em frutas, legumes e verduras
– Consumir muita água
– Estar em dia com o calendário vacinal e completar a imunização contra as doenças pneumocócicas
– Uma aliada da prevenção é a vacina pneumocócica 13 valente – a Prevenar 13, que apresenta a mais ampla cobertura contra doenças pneumocócicas, incluindo a pneumonia pneumocócica.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!