29 mai 2014
 Por 
Blog do Seridó
 às 
14:00min. 
 em 
Vereador Leleu defendeu criação de pulseira para identificar menor infrator

Nesta quarta feira 28, a Câmara de Vereadores de Caicó foi palco da posse simbólica de delegados, onde estavam várias autoridades representando diversos segmentos da sociedade.

O edil caicoense, Leleu Fontes, falou da problemática da segurança pública envolvendo menores, segundo ele, a polícia não se ver compilada às leis, que adversa à repressão imposta pelo estado, com isso sem perspectiva de melhora.

Em meio a seu discurso, Leleu sugeriu que se estudasse a possibilidade de criar uma pulseira que identifique os menores infratores, já que as leis não se comportam em benefício da sociedade, ou a criação de um laboratório, onde esses adolescentes pudessem receber a assistência do estado, sem excluí-los da vida social.

“Ninguém pode defender segurança pública nessa cidade, se aqui pedimos o aumento de efetivo da polícia, somos ameaçados, se um jornalista reclama da ausência de policiamento é ameaçado por vagabundos, onde vamos parar?” Lamentou Leleu Fontes.


Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com