20 mar 2017
 Por 
Blog do Seridó
 às 
21:00min. 
 em 
‘Não há possibilidade de confrontos em Alcaçuz’, garante Depen

DEPENA intervenção feita pela força tarefa penitenciária em Alcaçuz, na manhã desta segunda-feira (20), foi considerada um ‘sucesso’ pelos coordenadores e, de acordo com agentes federais, ‘não há possibilidade de confrontos entre facções no pavilhão 5’. Durante revistas nos pavilhões 1, 2 e 3, foi encontrado um revólver, bem como armas brancas, facas artesanais e celulares.

Francisco Klenberg Batista, agente federal de execução penal e um dos coordenadores da operação, explica que a ação, que se iniciou às 5h25, teve duração de 30 minutos para a intervenção direta e mais uma hora e meia para organização e retirada dos cerca de 800 presos dos três pavilhões.

Os detentos foram levados para o presídio Rogério Coutinho Madruga, também chamado de Pavilhão 5 de Alcaçuz. A transferência foi feita como parte do processo de reconstrução da maior penitenciária do Rio Grande do Norte, após rebeliões em janeiro, que deixaram pelo menos 26 presos mortos.


Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com