25 mar 2020
 Por 
Blog do Seridó
 às 
01:09min. 
 em 
Enterro em SP de vítimas do coronavírus ocorre com caixões fechados e velório de só uma hora

O serviço funerário da Prefeitura de São Paulo orientou as funerárias e cemitérios de São Paulo de que as famílias devem evitar fazer velórios de pessoas com coronavírus e que os velórios e enterros devem ser com os caixões fechados e lacrados. Caso a família opte por velório, o velório deve ser limitado a 10 pessoas por sala e durar, no máximo, uma hora, e também com o caixão lacrado.

No Brasil, já são 34 mortos pela doença, sendo 30 na cidade de São Paulo. No país, são mais de 1.800 infectados confirmados. A maioria dos doentes tinha mais de 60 anos e com comorbidades.

Na quinta-feira da semana passada, no Cemitério Vila Nova Cachoeirinha, na Zona Norte da capital, o manobrista Antonio Santos, de 49 anos, foi enterrado após ter a suspeita de Covid-19 confirmada. Ele morreu 5 dias após ter febre pela primeira vez. Nesta terça-feira (24), mais duas pessoas foram enterradas no hospital, ambos com caixões lacrados. A Prefeitura não informou se eles tinham coronavírus.


Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!



WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com