12 fev 2019
 Por 
Blog do Seridó
 às 
10:19min. 
 em 
Motorista de caminhão diz que não viu helicóptero de Boechat

motorista“Do nada cai uma coisa lá do céu em cima da tua cabeça.” Foi dessa maneira que o motorista João Adroaldo Tomackeves, 52 anos, definiu o acidente ocorrido com o caminhão que ele dirigia e que foi se chocou com o helicóptero em estava o jornalista Ricardo Boechat e o piloto Ronaldo Quattrucci, que morreram após a colisão.

O acidente aconteceu na Rodovia Anhanguera, em São Paulo, nesta segunda-feira (11). O helicóptero bateu na parte dianteira do caminhão dirigido por Adroaldo pela via. O motorista explicou que assim que passou pela praça do pedágio do acesso do Rodoanel para a Rodovia Anhanguera foi surpreendido com o acidente com o helicóptero.

“Foi simplesmente tu estar andando e do nada tu vê aquele estrondo e tu ficar sem visão, sem ficar sabendo o que aconteceu. Tu não sabe o que aconteceu. Você fica analisando o que pode ter acontecido. Eu estava sozinho, daqui a pouco eu estou ali daquele jeito, todo arrebentado, preso, o caminhão parando. Só vi realmente depois que eu estava fora [do caminhão]”, disse Adroaldo.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!