17 set 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
10:36min. 
 em 
Comércio e serviços são os principais empregadores do Rio Grande do Norte

Nos dois primeiros quadrimestres do ano (janeiro a agosto), o setor de comércio e serviços segue como principal gerador de empregos formais no Rio Grande do Norte.

Foram 8.048 vagas, ou 44% do total de 18.052 postos abertos em toda a economia potiguar no período.

Atrás do segmento no comparativo dos dois quadrimestres, vêm a construção civil (5.590 postos) e a indústria de transformação que, alavancada principalmente pelos números de julho e agosto, emplacou 5.145 novos empregos no período.

Tomando-se apenas no mês de agosto, o Rio Grande do Norte registrou a abertura de 6.786 vagas, sendo 1.738 no segmento de comércio e serviços, o que deixou o setor em segundo lugar no mês atrás exatamente da indústria, com seus 3.112 novos postos.

O número de agosto é um bem maior que o de julho, quando o setor abriu 679 vagas formais.

“O mês de agosto tem o Dia dos Pais e já começam a ser feitas as primeiras contratações temporárias visando o final de ano, daí o bom resultado”, afirma o presidente do Sistema Fecomercio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz.

A agropecuária, na esteira do início das safras de cana de açúcar e melão, ficou em terceiro lugar, tendo aberto 1.383 empregos no mês.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!