27 mar 2013
 Por 
Blog do Seridó
 às 
21:01min. 
 em 
Carla Ubarana dormiu no chão no Centro de Detenção Provisória em Parnamirim.

Carla Ubarana dormiu no chão, na sua primeira noite no Centro de Detenção Provisória de Parnamirim.

A diretora do Centro de Detenção, Hidiane Saiures, disse ao Jornal de Hoje, que sequer tinha ouvido a voz dela, sendo o silêncio predominante na cela que ela está ocupando. “Para ser sincera sequer ouvi a voz dela” – disse a diretora.

Instalada no cárcere com outras 29 detentas, Carla Ubarana dormiu no chão, em um colchonete fornecido pelo presídio. Ela não recebeu até o final da manhã de hoje, nenhuma visita no Centro de Detenção. A expectativa é de que ela seja, dentro de pouco tempo, transferida para a Penitenciária João Chaves na Zona Norte de Natal. Quanto à pena determinada pelo juiz, esta poderá ser reduzida porque o Ministério Público vai interceder nesse sentido, tendo em vista a delação premiada praticada por Carla.

Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!