05 ago 2010
 Por 
Blog do Seridó
 às 
15:02min. 
 em 
Bruno, ex-goleiro do Flamengo, tem prisão preventiva decretada

Em entrevista coletiva realizada hoje, o promotor Gustavo Fantini confirmou a prisão preventiva do goleiro Bruno (foto) e de mais oito acusados de envolvimento no assassinato de Eliza Samúdio.

A amante do jogador, Fernanda Gomes de Castro, também teve a prisão preventiva decretada e, por enquanto, é considerada foragida pela Justiça.

A decisão manterá o ex-jogador do Flamengo na cadeia, já que a medida que havia sido decretada anteriormente era temporária e expirava depois de 30 dias, o que daria aos acusados o direito de sair da prisão já amanhã.

Todos os acusados responderão por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver.

Bruno, principal figura do julgamento, é considerado organizador e executor do assassinato.

Com informações da Gazeta Esportiva
Compartilhe:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!